Fábrica sustentável

lala
planeta historias fabrica sustentavel

A primeira fábrica da Nestlé no mundo a receber certificação "triplo zero" em 3 dimensões fica no Brasil.

A fábrica de cápsulas Nescafé Dolce Gusto, em Montes Claros (MG), é a primeira fábrica da Nestlé no mundo a receber a certificação de Impacto Ambiental Neutro em três dimensões: água, resíduos e emissão de carbono. O certificado foi emitido pela Intertek Group, empresa especializada em inspeções e certificações. A fábrica utiliza as mais modernas tecnologias para garantir o uso sustentável de recursos, em todas as etapas de fabricação.

A certificação atesta que a unidade de Montes Claros não utiliza água potável vinda da natureza em seus processos produtivos. Para alcançar esse resultado, a Nestlé implementou iniciativas inovadoras, como a reutilização da água extraída do processo de fabricação de Leite Moça, que  supre 100% a necessidade de água no processo de produção das cápsulas na fábrica de Dolce Gusto, construída estrategicamente ao lado da unidade de leite condensado. O processo se dá com a evaporação parcial do leite, que volta ao estado líquido posteriormente. Em um ano, evitou-se que mais de 66 milhões de litros fossem retirados da natureza.

A fábrica também foi certificada por destinar 100% dos resíduos a processos terceirizados de reciclagem, reaproveitamento e compostagem, sem qualquer resíduo enviado a aterros. Ao longo da produção, 65% de todo lixo gerado é reciclado e os demais ganham outras destinações, como reaproveitamento e compostagem.

planeta historias fabrica sustentavel

A auditoria atestou também que a unidade neutraliza 100% das suas emissões de gás de efeito estufa por meio de compensações. Para isso, a Nestlé neutralizou cerca de 280 toneladas de CO² equivalente, por meio da compra de crédito de carbono em parceria com a WayCarbon e apoio ao projeto Amigo do Clima. Além disso, a Nestlé mantém uma floresta na cidade de Mirabela (MG), com árvores que representam um estoque de carbono de cerca de 290.000 toneladas de CO² equivalente.

Inaugurada em dezembro de 2015, com investimento inicial de R$ 220 milhões, a fábrica deu início a celebração de 150 anos da Nestlé. Toda a produção é feita com café 100% brasileiro, além de outras matérias-primas nacionais como leite, cacau e açúcar. A meta é expandir as tecnologias de impacto zero para todas as fábricas da Nestlé no mundo.

Histórias relacionadas