Pequena atitude, grande economia

lala
planeta historias pequena atitude grande economia

Pequenas atitudes ajudam produtores de leite a economizar 2,5 milhões de litros de água por ano

Saber o quanto gastamos de água é um importante passo para reduzir o consumo desse bem natural tão importante. E foi com a instalação de hidrômetros que a Nestlé conseguiu fazer com que seus fornecedores de leite planejem melhor o uso da água, tanto nas fazendas quanto na hora da ordenha. O resultado, até agora, foi uma economia de 2,5 milhões de litros ao ano nas 19 propriedades rurais que fazem parte do programa.

O projeto começou em 2015 na região de Araraquara (Interior de SP) e ainda em 2017 será expandido para outras 40 fazendas localizadas em Araçatuba, aumentando ainda mais a economia de água. Ao longo deste ano, também será desenvolvido um novo Guia Prático sobre a conscientização do uso racional da água nas fazendas que será distribuído para mais de 5.000 produtores rurais com os quais a Nestlé se relaciona.

planeta historias pequena atitude grande economia

O programa é desenvolvido em parceria com a Embrapa Pecuária Sudeste, que aponta que manejos simples, mudança de hábitos e qualificação da mão de obra podem ajudar os produtores a economizar até 30% no consumo de água em instalações de ordenha.

As fazendas envolvidas neste projeto fazem parte do programa Boas Práticas na Fazenda, criado pela Nestlé em 2005 para estimular a elevação dos padrões de qualidade do leite junto aos produtores. Atualmente, 85% do volume total de leite comprado pela Nestlé vem de propriedades rurais incluídas no programa Boas Práticas na Fazenda.

Histórias relacionadas