Sódio é sal ?

A Nestlé desenvolveu uma calculadora para ajudar o consumidor a entender a quantidade de sal nos produtos e, assim, estimular escolhas cada vez mais equilibradas.


É possível que a maioria dos consumidores tenha se deparado com palavrinhas as palavrinhas sal e sódio, que caminham muitas vezes juntas. E, por esse motivo, muitas vezes são compreendidas como sendo sinônimos. Mas elas não são a mesma coisa.


O sódio é um dos elementos químicos mais abundantes na Terra. Para se ter ideia, o cloreto de sódio, mais conhecido como sal de cozinha, representa 80% da matéria dissolvida na água do mar.


O sal de cozinha é composto por 41% de cloreto e 39% de sódio e, devido a sua contribuição com a cultura alimentar do brasileiro, é a principal fonte de sódio na alimentação das pessoas. Esse fato foi trazido pelo Ministério da Saúde, através da Pesquisa de Orçamentos Familiares que, em sua versão mais recente, mostrou que o sal de cozinha contribuiu com 71,5% do total do sódio ingerido. E isso é muita coisa!


E por que tanto se fala do consumo de sal e sódio através da alimentação e seus efeitos na saúde?


O sódio é muito importante para diversas funções no organismo, como, por exemplo, para a contração muscular, manutenção da pressão arterial e hidratação. É muito comum uma pessoa que esteja com pressão baixa consumir um pouco de sal por esse motivo.


Contudo, seu consumo em excesso, assim como tudo na vida, pode desencadear alguns problemas de saúde, como pressão alta e algumas doenças cardiovasculares por consequência da alteração na pressão, como, por exemplo, o AVC (Acidente Vascular Cerebral).


O consumo equilibrado de sal e consequentemente do sódio é, portanto, essencial para a saúde. Porém dados da Sociedade Brasileira de Cardiologia mostram que o brasileiro consome mais que o dobro da recomendação de 5g de sal (o que seria equivalente a 5 sachês de 1g), medida estabelecida pela OMS (Organização Mundial de Saúde).


Ao olhar com atenção a tabela nutricional de todos os alimentos vendidos no Brasil, nota-se que a informação contida é de sódio e não a de sal. Para que te ajudar a controlar a quantidade consumida, a Nestlé desenvolveu uma ferramenta que auxiliará as pessoas a transformarem o valor de sódio, expresso na tabela nutricional, para sal. Basta digitar o quanto de sódio o seu produto favorito tem na porção e pronto: a ferramenta vai te dizer o equivalente em sal e comparar com a recomendação de consumo diário!


Ficou curioso? Acesse a ferramenta aqui e confira!


Fonte:


SBAN. Sal e Sódio no Contexto Alimentar Contemporâneo. 2014.