Sort results by
Sort results by

Nestlé abastece veículos da força de vendas somente com etanol em sua jornada por uma frota cada vez mais sustentável

Voltar

Companhia já vem utilizando veículos elétricos e movidos a biocombustível em sua frota e tem a meta de reduzir 7,4 mil toneladas de CO2 por ano no Brasil dentro de seu compromisso global de ter zero emissões líquidas de gases do efeito estufa até 2050

A partir de outubro, os mais de 1,7 mil veículos utilizados pelos times de vendas da Nestlé Brasil passaram a ser abastecidos somente com álcool. Essa é uma mudança ao encontro da jornada de sustentabilidade que a Companhia vem fazendo em suas operações logísticas com o objetivo de utilizar combustíveis menos poluentes. Com a adoção de 100% etanol como o combustível oficial da frota corporativa das equipes de vendas, somando todos os esforços feitos pela área, serão 1,7 mil toneladas de emissões de CO2 evitadas ao ano.

Por ano, vendedores, representantes comerciais, consultores, promotores de merchandising e gerentes de vendas que atuam em todo o Brasil, localizados em aproximadamente 1,4 mil municípios pelo País, percorrem aproximadamente 28,1 milhões de quilômetros, o equivalente a percorrer 6.389 vezes a distância entre os pontos mais extremos ao Sul e ao Norte do País, o que significa utilizar 2,9 milhões de litros de combustível/ano.

“Essa mudança em nossa frota corporativa de vendas integra os esforços que estamos fazendo em toda a frente logística dentro dos compromissos da Nestlé com a sustentabilidade e com o planeta. A responsabilidade e os cuidados com o meio ambiente são parte integral de nossos esforços em todos os locais em que estamos presentes e constantemente olhamos para nossas operações para pensar em como reduzir seus impactos, pensando em como podemos produzir o alimento do futuro, que seja sustentável do campo à mesa do consumidor”, afirma o VP de Logística da Nestlé Brasil, Marcelo Nascimento.

Nesse ano de seu centenário de presença no Brasil, a Nestlé já tinha anunciado, em abril, investimentos na transição de sua frota para tornar suas operações cada vez mais sustentáveis no país e contribuir com o meio ambiente e a sociedade. A iniciativa é uma das frentes para a companhia atingir seu compromisso público de ter zero emissões líquidas de gases do efeito estufa até 2050, incluindo suas cadeias de fornecimento. Para isso, a empresa está investindo em iniciativas como a realização de transporte de cargas por métodos menos poluentes, otimização de rotas e de volume de entregas por meio do uso de algoritmos, entre outras.

Uma das principais frentes dessa atuação é a utilização de veículos elétricos e movidos a GNV ou biocombustíveis de fontes renováveis, como biometano. Os planos da companhia são de, até 2022, ter mais de 100 veículos deste tipo rodando para transporte de seus produtos, o que representa 10% da frota que hoje atende a empresa, com investimentos de mais de R$ 15 milhões nesta frente. A iniciativa vai resultar na redução da emissão de 5,7 mil toneladas de CO2 por ano, já que os veículos elétricos não emitem nada de CO2, os veículos GNV reduzem ao menos 15% de emissão de CO2 e os veículos a biometano, que é um combustível renovável, reduzem em até 90% as emissões de CO2. Somando as duas frentes, a meta é reduzir 7,4 mil toneladas de CO2 por ano no Brasil.

Atualmente, a Nestlé já está utilizando veículos elétricos e movidos a GNV que, junto com outras medidas para transformar seu modelo de transportes com um olhar para a “smart logística”, resultaram na redução de mais de mil toneladas de C02 pela companhia em 2020. O plano da companhia é investir para ampliar e incentivar a adoção desse tipo de transporte por cada vez mais empresas parceiras que fazem as rotas de distribuição para a companhia. Para isso, está fazendo um esforço de recalcular os custos de fretes de rotas realizadas por esses veículos, além de pensar em soluções conjuntas com fornecedores para potencializar a atual infraestrutura nacional para atender a esse tipo de veículo, que exige locais de reabastecimento apropriados.

A iniciativa também integra o projeto RE, lançado pela Nestlé no Brasil no final de 2019, que traz transparência às ações que a companhia vem realizando em suas operações nos últimos anos em busca de maior eficiência e sustentabilidade, tendo também o grande papel de educar e abrir uma plataforma de diálogo com os consumidores.

Sobre a Nestlé:
A Nestlé completa 100 anos no Brasil em janeiro de 2021 e comemora a data renovando seu compromisso com a sociedade, como força mobilizadora que contribui para levar nutrição e bem-estar para bilhões de pessoas, criar um ambiente de inclusão e oportunidade para milhares de brasileiros e ser o produtor de alimentos mais sustentável do país. A empresa emprega mais de 30 mil pessoas no Brasil e tem 20 unidades industriais localizadas nos estados de São Paulo, Minas Gerais, Bahia, Pernambuco, Goiás, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e Espírito Santo, além de três centros de distribuição e mais de 50 brokers (responsáveis por vendas, promoções, merchandising, armazenamento e distribuição). Comprometida com boas práticas que vão do campo à mesa do consumidor, a companhia conta com milhares de produtores fornecedores participando de programas de qualidade nas cadeias de cacau, café, leite e vegetais, que garantem uma produção sustentável e que traz modernidade ao campo, inclusive na cadeia orgânica. Além disso, mantém iniciativas nas fábricas como minimizar a utilização de água e energia e reduzir as emissões, ações de reflorestamento e inovações contínuas em embalagens cada vez mais sustentáveis. A Nestlé Brasil está presente em 99% dos lares brasileiros, segundo pesquisa realizada pela Kantar Worldpanel.

Líder mundial em alimentos e bebidas, a Nestlé atua em 190 países e tem sede na cidade suíça de Vevey, onde foi fundada há mais de 150 anos, com o propósito de revelar o poder dos alimentos para melhorar a qualidade de vida de todos, hoje e para as próximas gerações. O portfólio de produtos e serviços conta com mais de 2 mil marcas para todas as faixas etárias e diferentes perfis e necessidades de consumo, como Ninho, Leite Moça, Nescau, Nescafé, Nespresso, KitKat e Garoto, entre outras. A Companhia tem compromissos globais como alcançar o impacto ambiental neutro nas operações até 2050 e tornar todas as suas embalagens recicláveis ou reutilizáveis até 2025.

Informações para imprensa
[email protected]